Crescendo como Saumensch

Once Upon A Time

quarta-feira, novembro 19, 2014 Julia Pinheiro 1 Comments


Acho que já mencionei aqui que agora eu tenho Netflix, e com isso minha animação de ver filmes e séries aumentou, e pra começar, decidi ver Once Upon a Time, e agora que eu acabei a primeira temporada decidi fazer um post aqui falando um pouco sobre a minha opinião da série.


O contexto principal surge por conta de uma maldição que a Regina, que é a madrasta da Branca de Neve, lançou em toda a terra dos contos de fadas como meio de se vingar de sua tão odiada aparentada.

 A maldição acabou transportando todos os personagens das terras encantadas para o nosso mundo, mais especificamente para Storybrooke, uma cidade isolada, onde o tempo não passa, onde ninguém chega e ninguém sai e onde todos que lá vivem são personagens de histórias que, tirando Regina, não se lembram de nada, e levam uma vida normal, com outros nomes e outros costumes.


Acontece que a Branca de Neve e seu Príncipe foram avisados sobre essa tal maldição antes, e receberam o aviso do mago Rumplestiltskin que a única salvação para todos seria sua filha que estava prestes a nascer, Emma, e que por isso era essencial que ela fosse protegida. Com isso é criada uma espécie de portal que transporta Emma para o nosso mundo antes de toda a maldição ser lançada para que a mesma, ao completar 28 anos, siga seu destino e salve todos dessa maldição.


E como foi previsto, no aniversário de 28 anos de Emma, uma criança, chamada Henry, bate em sua porta dizendo ser seu filho biológico que a mesma entregou para adoção.


 Atordoada Emma leva Henry até sua casa, que fica nada mais nada menos que na cidade de Storybrooke. Ao chegar lá o garoto, que sabe da verdade graças a um livro, tenta convence-la sobre maldição que a cidade sofre e de sua importância no contexto geral, e mais por curiosidade e por se interessar por uma possível aproximação com o filho, Emma acaba decidindo ficar na cidade por um tempo, o que muda tudo.


Cada episódio conta a história de um personagem em específico, intercalando a narração de sua vida nos contos de fadas e sua situação atual no mundo real. Eu gostei bastante de ficar tentando adivinhar quem é qual personagem, e gostei de como as histórias dos contos de fadas ficaram diferentes e, o que você percebe com o passar dos episódios, muito entrelaçadas. 


Quanto a comentários negativos sobre a série: fora o fato de eu não ter gostado da mocinha ( muito chatinha e besta ) e ter gostado muito mais dos "vilões" ( Rumple  ) , os efeitos especiais são bem ruinzinhos, e o último episódio da primeira temporada foi bem forçado, mas como dizem que os efeitos tem uma melhora gigantesca nas ultimas temporadas, creio que vou voltar em breve a continuar com a série.


A série começou a ser exibida em 2011 e hoje, já com 71 episódios, já se encontra na sua quarta temporada. E por ela ainda estar sendo transmitida isso me da mais vontade de continuar a acompanhar ( já que também não é muito grande ). Confiram o trailer da primeira temporada:


Alguém ai já acompanha essa série?

You Might Also Like

1 comentários

Flickr Images